Machu Picchu
122 artigos
Segredos de Machu Picchu
Clique para classificar o artigo

Os 10 segredos de Machu Picchu expostos!

Machu Picchu não é apenas uma das atrações turísticas mais populares do mundo, é também uma das mais misteriosas. Esta bela cidadela foi construída por volta de 1450. Após sua descoberta em 1911, muitas questões foram levantadas sobre sua construção. Muitas incógnitas ainda não foram resolvidas. Conheça uma lista com os 10 segredos de Machupicchu que já foram descobertos.


Ônibus de Sacred Valley
Enigmático Machu Picchu
  • 1. Machu Picchu é a famosa ‘cidade perdida dos incas’?

    Na verdade, não. O nome da “Cidade Perdida dos Incas” foi dado por Hiram Bingham a Machu Picchu, pois ele acreditava ter encontrado a cidade perdida de Vilcabamba, o último refúgio dos Incas após a invasão espanhola. Hoje, no entanto, Machupicchu é erroneamente conhecida como a “Cidade Perdida dos Incas”.

    Após a descoberta, o arqueólogo norte-americano, com a ajuda da Universidade de Yale, extraiu e transportou 30.000 artefatos incas para os Estados Unidos. A maioria já foi devolvida e está localizada no Museu do Site de Machu Picchu e no Museu Casa Concha em Cusco.

    Vilcabamba
    Vilcabamba era a verdadeira “cidade perdida dos incas” que Hiram Bingham estava procurando.
  • 2. Quem descobriu Machu Picchu?

    Embora a história coloque o explorador americano Hiram Bingham como o descobridor da cidade inca de Machu Picchu em 1911, na verdade, foi um garoto que levou Bingham ao vale com as ruínas incas. Foi mesmo o proprietário de terras de Cusco, Agustín Lizárraga, que deixou seu nome escrito em uma de suas paredes 10 anos antes de Bingham.

    Além disso, algumas famílias já moravam e cultivavam nas proximidades do local. Embora Hiram Bingham não tenha sido realmente o descobridor, foi ele quem fez Machu Picchu conhecido por todo o mundo. Por esse motivo, ele é conhecido como o “descobridor científico de Machupicchu”. A descoberta da cidade inca foi publicada na revista National Geographic e, posteriormente, em todo o mundo.

  • 3. Machu Picchu tem um templo secreto?

    Uma das estruturas mais surpreendentes do santuário de Machu Picchu é o Templo da Lua, também conhecido como a “Grande Caverna”. Este edifício está longe de todos os outros edifícios. Devido à sua localização oculta no sopé da montanha Huayna Picchu, quase nenhum visitante chega lá. É construído dentro de uma caverna natural e mostra uma das melhores esculturas de pedra em todo o lugar.

    Para visitar o Templo da Lua, você deve obter a disponibilidade do bilhete Machu Picchu + Huayna Picchu e seguir uma rota de caminhada de 3 horas. Então você será um dos poucos sortudos a entrar nesta montanha incrível. Esta aventura oferece uma experiência única dentro do Parque Nacional de Machu Picchu. Atravessar as escadas da morte até o topo do Huaynapicchu, permitirá que você tire incríveis fotografias aéreas da cidade inca.

    Templo da Lua
    O Templo da Lua (ou Grand Cavern).
  • 4. Ainda existem coisas que podem ser encontradas?

    Quando você está dentro da cidade inca, notará que às vezes as estradas secundárias se ramificam na folhagem densa. Onde vão? Bem, quem sabe. Como a floresta nublada cresce mais rapidamente em torno de Machu Picchu, pode haver trilhas e ruínas desconhecidas ainda a serem descobertas.

    Lugares como o Túmulo Real de Machu Picchu precisam ser explorados com mais profundidade. Vários conjuntos de terraços recentemente recuperados foram disponibilizados aos visitantes em 2015. O trabalho de escavação na cidade inca ainda está incompleto. Evidentemente, não tente procurar estradas não condicionadas, pois elas podem escorregar e cair nos penhascos que circundam o local.

  • 5. Existem edifícios que não podem ser vistos?

    Os arqueólogos conseguiram demonstrar que a maior parte da cidade é construída no subsolo. Cerca de 60% da cidade é subterrânea, onde um labirinto de paredes e canais serve como drenagem para a cidade mais importante do império Inca. Obviamente, nenhuma investigação é possível por lá, pois parte da cidadela seria inevitavelmente danificada.

    A maior parte de Machu Picchu é feita de plataformas, que serviam de alimento para a população inca que morava lá (aproximadamente entre 100 e 400 pessoas moravam lá). Não apenas Machupicchu, mas outras cidadelas incas famosas, como Pisac, Ollantaytambo e Choquequirao, desenvolveram um sistema de plataforma perto das principais cidades para torná-las auto-sustentáveis.

    Cidade perdida de Choquequirao
    O sítio arqueológico de Choquequirao é considerado “a irmã sagrada de Machupicchu”.
  • 6. A construção de Machu Picchu é um mistério?

    Existem inúmeras teorias sobre a “cidade perdida dos incas”, mas nenhuma consegue revelar um dos maiores enigmas desta cidade do século XV, “sua construção”. Por que os incas construíram uma cidade como esta, em um lugar tão inacessível quanto este? Mas um que o manterá roer as unhas é como os incas fizeram para moldar as pedras em detalhes tão surpreendentes? a montagem entre as pedras é tão incrível que você não poderá apresentar seu cartão de crédito entre elas.

    Depois de estar na cidade inca, você perceberá que é impossível realizar um trabalho de pedra tão detalhado com as ferramentas rústicas que os incas tinham e que você terá a oportunidade de ver no Museu do Local; Além do mais, mesmo agora é impossível imitar a incrível escultura em pedra, mesmo com as ferramentas mais modernas e poderosas. Assim como Machupicchu, as construções de outras cidadelas e fortalezas incas como Sacsayhuaman ainda são um mistério.

    Pedra de 12 ângulos
    A ‘pedra dos 12 ângulos’ em Cusco.
  • 7. Existe uma porta secreta?

    Quando em 2011 Thierry Jamin, arqueólogo e explorador francês, encontrou uma porta secreta em Machu Picchu, os olhos do mundo caíram na cidade inca. Infelizmente, o governo do Peru negou permissão para concluir a escavação; é provável que tenham medo dos danos que as escavações possam causar ao local. Thierry disse que há uma tumba (provavelmente a de um rei), cercada por crianças e uma escada de ouro que levaria a outros lugares secretos.

    Apesar de várias tentativas de realizar trabalhos de investigação na “Porta Secreta de Machupicchu”, Thierry Jamin não conseguiu obter permissão. Atualmente, o acesso a esta porta é proibido. Se você tiver sorte o suficiente para visitar a cidadela inca, deve ir à área de Tres Portadas, no coração da cidade.

  • 8. Existe um templo dedicado ao condor?

    Os condores são pássaros enormes, os adultos crescem a mais de 1,40 metros de altura, com envergadura de 3,30 metros. Ao chegar ao Templo do Condor, você notará a cabeça de um condor esculpido no chão; Mas o que aconteceu com o corpo? Se você voltar alguns passos, o edifício inteiro revelará suas asas gigantescas representadas por duas rochas gigantes esculpidas em forma de asas.

    Como em todos os Machu Picchu, você terá que prestar atenção aos detalhes; a asa esquerda não toca o chão, simbolizando o pássaro em vôo. O condor era um dos três animais sagrados dos incas, juntamente com o puma e a cobra. O condor representava o mundo superior ou celestial (Hanan pacha), o puma para o mundo terreno ou vivo (Kay pacha) e a serpente o mundo abaixo ou dos mortos (Uku pacha).

    Templo Condor
    O templo do condor é constituído por uma estrutura tridimensional.
  • 9. Você consegue ver o rosto de um homem e uma mulher adormecidos em Machu Picchu?

    Ao contrário de muitos dos símbolos encontrados em Machu Picchu, o rosto humano aparentemente masculino pode ser visto nas montanhas de Machu Picchu (a famosa face de Machupicchu). A formação totalmente natural parece mostrar o nariz, a boca e a testa de uma pessoa olhando para o céu. Mas os incas acreditavam na dualidade; então não se surpreenda, também há uma mulher adormecida esculpida em pedra.

    A escultura lembra o perfil do rosto de uma mulher adormecida. Amostras retiradas da superfície da rocha revelaram traços de ouro gravados nela; alguns arqueólogos acreditam que esta pedra pode ter sido totalmente coberta de ouro. A melhor data para ver o ‘rosto de Machupicchu’ é em maio, junho ou julho. O melhor horário é das 3 ou 4 da tarde, quando a luz ilumina o perfil mais claramente.

    Rosto de Machu Picchu
    O famoso rosto de Machupicchu é alcançado tirando uma foto da montanha Huayna Picchu.
  • 10. Machu Picchu foi o destino de uma peregrinação?

    O arqueólogo italiano Giulio Magli aponta para uma nova teoria que sugere que a viagem a Machu Picchu de Cusco poderia ter um propósito espiritual. A peregrinação ecoaria a jornada celestial que, segundo a lenda, o primeiro Inca e sua esposa levaram a Cusco. Segundo a famosa lenda de ‘Manco Cápac e Mama Ocllo’, estes teriam deixado a ilha do sol no lago Titicaca. Segundo Magli, a Trilha Inca teria sido especialmente preparada para levar peregrinos a Machu Picchu.

    A última etapa da peregrinação teria terminado com a escalada da pirâmide para chegar ao Intihuatana, o ponto mais alto e um dos lugares mais sagrados de Machu Picchu. Isso não mudou muito, pois muitas pessoas continuam a vir a Machu Picchu fazendo turismo espiritual. Precisamente o Intihuatana é famoso por irradiar uma energia solar especial se os turistas fecharem as mãos (atualmente é proibido tocar nessa construção).

    O relógio de sol Intihuatana
    O Intihuatana (relógio de sol) é uma das construções mais sagradas de Machupicchu.

Conselhos de pessoas que estiveram lá

Machu Picchu

Leticia P.Por: Leticia P.

“Top do mundo, uma experiência de vida“

“Eu visitei uma das maravilhas do mundo. É realmente impressionante, eu realizei um sonho de vida. Não há outro lugar como Machu Picchu. Os Andes peruanos eram impressionantes, as pessoas maravilhosas e a comida excelente. Ele é promovido como o número 1 das listas de cubos e ninguém depois de vê-lo poderá dizer o contrário, eu sei porque já estive lá “


 

Por Ticket Machu Picchu – Ultima atualização, abril 23, 2020