Machu Picchu 207 artigos
Machu Picchu com animais
Clique para classificar o artigo

Machu Picchu com animais de estimação: um guia fácil

Machu Picchu é um dos melhores destinos turísticos para visitar em família. Entretanto, os animais de estimação, que fazem parte das famílias em todo o mundo, não podem entrar no sítio arqueológico. Tampouco animais selvagens ou não selvagens. Somente as lhamas que vivem na cidade inca podem andar livremente pelo parque arqueológico. As pessoas não têm permissão para alimentá-las, pois as autoridades do local cuidam disso. Somente visitantes com deficiência podem entrar com um cão-guia. Saiba mais!



Machu Picchu nas primeiras horas da manhã
Machu Picchu nas primeiras horas da manhã

A fauna natural em Machu Picchu
A cidade inca de Machu Picchu está localizada no lado amazônico oriental da Cordilheira dos Andes, no Peru. Essa geografia andina tropical de 2.430 metros acima do nível do mar é o habitat perfeito para algumas das mais belas espécies de mamíferos, pássaros, plantas, flores e árvores. Com relação à fauna natural de Machu Picchu, as espécies mais famosas são o urso de óculos, o cervo andino, a viscacha, o galo da rocha, o puma andino, o pato torrent, o lobo do rio, o churrete real, o beija-flor gigante, o sapo andino e muitas espécies de borboletas e pássaros. É claro que no sítio arqueológico inca você pode ver lhamas, um dos auquenídeos peruanos. Os outros três, que não são vistos em Machupicchu, são a vicunha, o guanaco e a alpaca. Essa última espécie é doméstica e pode ser vista na cidade de Cusco ou no Vale Sagrado dos Incas.


Machu Picchu, a cidade sagrada dos Incas

Machu Picchu é um dos melhores destinos turísticos do mundo. Todos os anos, lidera os prêmios de melhores experiências turísticas, de acordo com os depoimentos dos próprios viajantes. Ela está localizada na região andina de Cusco, no Peru. Essa cidade foi a capital do império Inca, portanto, oferece muita história e cultura. É conhecida como a “Capital Arqueológica da América”.

O sítio arqueológico de Machu Picchu fica a pouco mais de cem quilômetros de Cusco. Faz parte da selva alta de Cusco, com uma altitude de 2.430 metros acima do nível do mar. O clima é tropical, com temperaturas máximas de até 23ºC e temperaturas noturnas mínimas de 8ºC.

Machu Picchu era uma cidadela que abrigava cerca de mil pessoas no século XV. Foi construída sob as ordens do grande imperador Pachacutec, que buscava criar um importante centro administrativo nas fronteiras orientais do império, onde as folhas de coca e outros produtos eram comercializados.

A localização de Machu Picchu não foi uma coincidência, pois lá foi encontrado um banco de rochas, que foi esculpido para criar sólidos edifícios de pedra. Além disso, o solo foi trabalhado com muito cuidado, criando terraços e terraços agrícolas com canais de água que, até hoje, impedem que a cidadela afunde.

Em 1911, o explorador americano Hiram Bingham divulgou a importância histórica de Machu Picchu para o mundo. Depois disso, o trabalho de escavação revelou uma arquitetura formidável cercada por uma paisagem natural especial. No total, são mais de 150 construções de pedra, entre as quais estão: o Templo do Sol, o Intihuatana (relógio solar), o Intipunku (Portão do Sol), o Templo das 3 Janelas, o Templo Principal, a Rocha Sagrada, o Templo do Condor (considerado um pássaro sagrado), o Templo da Lua e muito mais.

Hoje em dia, Machu Picchu é considerada uma cidade sagrada, pois há templos de grande arquitetura e design requintado. Estima-se que a cidade inca seja visitada todos os anos por cerca de 1,5 milhão de pessoas. Todos ficam maravilhados com a grande beleza arquitetônica e cênica e com a imensa história por trás de cada edifício. Em 2007, a cidade inca foi declarada uma das 7 maravilhas do mundo moderno. Atualmente, ela continua sendo um dos melhores destinos turísticos do planeta.

Foto clássica de Machu Picchu com uma lhama
Foto clássica de Machu Picchu com uma lhama

Viajando para Machu Picchu com animais de estimação

Machu Picchu é considerado um local sagrado. Por isso, há algumas restrições, como fazer barulhos incômodos, subir nas paredes de pedra, filmar com material publicitário, usar drones e muito mais. Em geral, é proibido perturbar o caráter sagrado da cidade inca.

Também é proibido entrar em Machu Picchu com animais de estimação ou animais não domésticos, sejam eles cães, gatos, hamsters, cobras, aranhas etc. Isso ocorre porque perturba o caráter sagrado da cidade inca.

Somente cães-guia, que acompanham visitantes com habilidades especiais, como deficientes visuais, têm acesso permitido. Esses cães devem estar na coleira e devidamente presos por seus donos. Esses animais devem ter um certificado de vacinação ou um atestado de boa saúde.

Os proprietários de cães-guia são responsáveis pela limpeza de qualquer resíduo ou dejeto fecal que os animais possam produzir no sítio arqueológico de Machu Picchu. Da mesma forma, eles são responsáveis por qualquer dano ao patrimônio histórico da cidade inca ou danos que possam causar a outros visitantes. Os cães-guia devem ser devidamente treinados para guiar uma pessoa.

Animal de estimação em Machu Picchu
Animal de estimação em Machu Picchu

Animais de estimação em Cusco e Machu Picchu

Durante a visita a Machu Picchu, o turista encontrará diversos animais domésticos e selvagens. Os mais famosos, sem dúvida, são as lhamas. Na cidade inca, há cerca de vinte lhamas, todas devidamente numeradas.

As lhamas são animais domésticos que gostam de pastar nos setores da Casa do Guardião, nos terraços agrícolas e até mesmo dentro de templos de pedra, como o Templo do Condor ou a Rocha Sagrada. As lhamas são alimentadas pela equipe do sítio arqueológico, portanto não é permitido alimentá-las. O visitante pode tirar fotos com as lhamas a uma distância segura sem incomodá-las, pois esses animais podem se defender cuspindo no visitante.

Além das lhamas, os visitantes também podem ver a viscacha andina ou chinchila. Esse roedor de pelagem abundante e orelhas longas (seu corpo mede entre 60 e 80 centímetros) não é doméstico, mas gosta de visitar Machu Picchu, especialmente pela manhã, confundindo-se entre as rochas ou nas construções de pedra. Os Vizcachas se alimentam principalmente de icchu ou de pastagens de alta altitude. Entretanto, na cidade inca, eles gostam de tomar sol a uma certa distância dos visitantes, que podem avistá-los de uma distância segura. Os Vizcachas fogem com medo ao menor movimento ou gesto de aproximação dos turistas. Para fotografá-los, é recomendável ter uma boa lente de câmera.

Por mais estranho que possa parecer, em Machu Picchu também é possível ver cães domésticos sem dono, que entram na cidade inca ao menor descuido dos guardas de segurança. Ocasionalmente, um ou dois cães passeiam livremente pelas construções incas, para o espanto dos turistas. Eles gostam de fotografá-los com a bela paisagem de Machu Picchu ao fundo. Os cães deixam a cidade inca da mesma forma que entraram, ou seja, livremente. No portão de saída, eles gostam de acompanhar os visitantes em seu caminho de volta à cidade de Aguas Calientes, sempre em troca de comida ou um pouco de carinho.

Nas montanhas ou nos arredores da cidade inca, no chamado “Santuário Histórico de Machu Picchu”, você também pode observar espécies famosas da vida selvagem, como o cervo andino ou o urso de óculos. Esta última espécie, nativa da América do Sul, é muito bonita e não é muito agressiva; eles até entram no sítio arqueológico em raras ocasiões. Por exemplo, durante a pandemia, o urso de óculos foi visto com mais frequência em Machu Picchu. A cidadela inca era seu habitat natural, mesmo antes da chegada dos incas.

Lhamas na cidadela inca
Lhamas na cidadela inca – Machu Picchu

Serviços de hotel que aceitam animais de estimação em Cusco

Embora animais de estimação não sejam permitidos em Machu Picchu, é possível encontrar hospedagens e hotéis que aceitam animais de estimação na cidade de Cusco. Esses são alguns dos serviços mais recomendados:

  • Supertramp Hostel Cusco.
  • Casa Matara Boutique.
  • Magar Hostel Bar Cusco.
  • Ayenda El Labrador Cusco.
  • Yawarmaki Hostel.
  • Selina Cusco Saphi.
  • Hotel Oblitas Plaza de Armas Cusco.
  • Hotel Casa Cavassa.
  • Hotel Casa de la Gringa.
  • Nao Victoria Hostel Cusco.

Entrada em Machu Picchu para visitantes com animais de estimação

Machu Picchu não pode ser visitada com animais de estimação. Entretanto, os visitantes podem caminhar pelas ruas históricas de Cusco e até mesmo visitar algumas atrações turísticas com animais de estimação, como a Montanha das 7 Cores ou a Lagoa Humantay.

Ao visitar Machu Picchu, você deve escolher entre cinco tipos de ingressos. Estes são seus preços e descontos especiais:

Ingresso Machu Picchu Só
Ingresso a Machu PicchuEstrangeirosPeru, Colômbia, Equador ou Bolívia
Adultos em geral152 soles peruanos64 soles peruanos
Estudantes universitários77 soles peruanos32 soles peruanos
Menores de 18 anos70 soles peruanos32 soles peruanos
Ingresso Machu Picchu com Huayna Picchu
Ingresso a Machu PicchuEstrangeirosPeru, Colômbia, Equador ou Bolívia
Adultos em geral200 soles peruanos112 soles peruanos
Estudantes universitários125 soles peruanos80 soles peruanos
Menores de 18 anos118 soles peruanos80 soles peruanos
Ingresso Machu Picchu com Montanha
Ingresso a Machu PicchuEstrangeirosPeru, Colômbia, Equador ou Bolívia
Adultos em geral200 soles peruanos112 soles peruanos
Estudantes universitários125 soles peruanos80 soles peruanos
Menores de 18 anos118 soles peruanos80 soles peruanos
Ingresso Machu Picchu com Huchuy Picchu
Ingresso a Machu PicchuEstrangeirosPeru, Colômbia, Equador ou Bolívia
Adultos em geral200 soles peruanos112 soles peruanos
Estudantes universitários125 soles peruanos80 soles peruanos
Menores de 18 anos118 soles peruanos80 soles peruanos
Ingresso Machu Picchu com ponte Inca
Ingresso a Machu PicchuEstrangeirosPeru, Colômbia, Equador ou Bolívia
Adultos em geral152 soles peruanos64 soles peruanos
Estudantes universitários77 soles peruanos32 soles peruanos
Menores de 18 anos70 soles peruanos32 soles peruanos


Perguntas e respostas sobre como viajar para Machu Picchu com animais de estimação

  • 1) Posso visitar Machu Picchu com animais de estimação?

    Não é permitida a entrada de animais de estimação em Machu Picchu. O acesso só é permitido com cães-guia especialmente treinados para acompanhar pessoas com deficiências.

  • 2) Qual é o valor do ingresso para Machu Picchu para animais de estimação?

    Não há ingresso para animais de estimação em Machu Picchu. Os preços regulares para adultos do ingresso “Machupicchu Solo” são: 152 soles. Estudantes universitários pagam 77 soles. Visitantes menores de 18 anos pagam 70 soles. Além disso, há descontos para visitantes da CAN (Comunidade Andina de Nações): peruanos, bolivianos, colombianos e equatorianos.

  • 3) Posso entrar em Machu Picchu com cães-guia?

    Sim, é permitida a entrada em Machu Picchu com cães-guia, somente para pessoas com deficiência que precisam desses cães treinados.

  • 4) Posso ver lhamas em Machu Picchu?

    Sim, as lhamas podem ser vistas em diferentes áreas de Machu Picchu. Há aproximadamente 20 lhamas no sítio arqueológico.

  • 5) Posso ver viscachas em Machu Picchu?

    Sim, esses roedores não domesticados gostam de tomar sol nas rochas de Machu Picchu. Eles também podem ser vistos ao redor de alguns dos templos, como o Templo do Condor, o Templo do Sol, o Templo Principal, etc.

  • 6) Há cães sem dono andando por Machu Picchu?

    Sim, alguns cães sem dono escapam dos guardas e podem entrar em Machu Picchu. No entanto, eles são inofensivos e geralmente saem por conta própria depois de caminhar pelo sítio arqueológico.

  • 7) Posso ver ursos de óculos em Machu Picchu?

    Sim, em raras ocasiões, especialmente quando não há visitantes, os ursos de óculos vêm à cidade inca de Machu Picchu. Eles também podem ser vistos nas montanhas ao redor de Machu Picchu.

  • 8) Há hotéis que aceitam animais de estimação em Cusco?

    Sim, na cidade de Cusco há várias opções de hotéis que aceitam animais de estimação.

  • 9) Que documentos um cão deve ter para viajar para Cusco e Machu Picchu?

    Recomenda-se que o cão tenha seu cartão de vacinação ou certificado de boa saúde.

  • 10) Posso entrar em Machu Picchu com gatos?

    Não, nenhum animal de estimação pode entrar em Machu Picchu.

Conselhos de pessoas que estiveram lá

Machu Picchu

Yuliana P.Por: Yuliana P.

“Experiência em Cusco e Machu Picchu“

“Finalmente conheci Cusco e Machu Picchu em uma viagem com toda a minha família. Nunca nos esqueceremos da beleza de Cusco e de Machu Picchu, um lugar que todos os peruanos devem visitar.“

 

Por Ticket Machu Picchu – Ultima atualização, maio 23, 2024